terça-feira, 4 de setembro de 2007

Copa Energil C: em jogo de altos e baixos, Francana arranca empate aos 45 da etapa final






A Francana jogou neste domingo contra o Flamengo de Guarulhos, um dos líderes da Copa Energil C. O início do jogo começou com grande movimentação no time da Veterana, que tocava bem a bola e criava jogadas. O estreante, Deiviti Cremonezi, ainda sem ritmo e entrosamento, conseguiu fazer boas jogadas com Deivid, ameaçando o gol adversário.
Até que aos 18 minutos de jogo, o camisa 10 da Francana sofreu uma falta violenta do jogador Pedro, do Flamengo, na lateral esquerda de ataque e revidou com um soco: os dois jogadores foram expulsos.
Dois minutos depois, em lance diferente, Geovane cobrou falta pela esquerda, próximo à grande área. O jogador Saul subiu e fez seu segundo gol em 2 jogos no campeonato: Francana 1x0 Flamengo. A partir daí o time se retraiu e o jogo ficou morno, até o final do primeiro tempo, aos 47 minutos de jogo.
O segundo tempo começou bem melhor para Francana, com a entrada de Leonardo no lugar de Vinícius, mas abrindo muito espaço no lado esquerdo da defesa da Veterana. Sob forte pressão adversária, sobretudo pela boas substituições do técnico do Flamengo (entradas de André Bocão, Rogerinho e Bruninho), a Veterana cedeu o empate aos 26 minutos do segundo tempo, num chute cruzado de Maicon pela direita de ataque, rasteiro e indefensável para o goleiro Dida.
A partir daí o time ficou completamente perdido em campo, até levar o segundo gol, em lance parecido com o gol de empate: Edvânio perdeu a bola na lateral esquerda, o jogador do Flamengo entrou na área e chutou a bola da direita, rasteira, com defesa de Dida que trombou com um zagueiro da Francana e, no rebote, o jogador Rogério do Flamengo virou o placar aos 33 minutos do segundo tempo: Francana 1x2 Flamengo.
As alterações no time da Francana não resolveram. Da Silva entrou e ficou menos de 10 minutos, sendo substituído por Gustavo (que não tocou na bola).
A Francana só não tomou mais gols pela incompetência do Flamengo, que chegou a encurralar a Veterana na defesa.
Quando parecia que nada mudaria a Francana arrancou o empate. Leonardo fez ótima jogada pela direita de ataque, pela linha de fundo, aos 45 minutos do segundo tempo: Geovane aproveitou a furada da defesa e chutou da entrada da pequena área, livre, para empatar o jogo. Resultado final: Francana 2x2 Flamengo, com 2 gols de defensores da Francana.
No próximo sábado, às 17 horas, a Francana jogará em Ribeirão Preto contra o Comercial, adversário direto na luta pela classificação.
Destaque do jogo: Cremoneze, Saul, Geovane e Leonardo, além do sempre eficiente Dida, no gol.
Destaque também para a escolinha de futebol da Francana, que tem animado os intervalos de jogo. Há um jogador mascote (na foto), com 4 anos de idade, que é artilheiro!

Ficha Técnica:
Francana 2 x 2 Flamengo de Guarulhos
Local: Estádio Dr. José Lancha Filho, em Franca
Data: 02 de Setembro de 2007, domingo.
Horário: 11 horas (de Brasília)
Árbitro: Renato Canadinho
Cartões Amarelos: Lico e Edivânio (Francana); Caimmy e Lima (Flamengo de Guarulhos).
Cartões Vermelhos: Deivid (Francana); Pedrão (Flamengo de Guarulhos).
Gols
1º tempo: 19’, Saul (Fra); 2º tempo: 26’, Maicon (Fla), 33’, Rogerinho, 45’,Geovane.
FRANCANA: Dida; Saul, Tiago e Vinicius (Leonardo); Geovane, Marcelo Ramos, Lico, Deivid, Deiviti Cromanezi (Da Silva) (Gustavo) e Edivânio; Flávio.
Técnico: Wantuil Rodrigues.
FLAMENGO DE GUARULHOS: Diego Neves; Caimmy (Bruninho), Diego Araújo, Pedrão e Caio; Alberto (André Bocão), Marquinhos, Dênis e Lima (Rogerinho); Souza e Maicon.
Técnico: Wagner dos Anjos

4 comentários:

Alexandre disse...

É, esse resultado foi bem triste mesmo.

Pelo futebol apresentado pela Veterana na metade do primeiro tempo e em parte do segundo, parecia que iria ser 2 ou até 3x0 pra nós.

Mas o time realmente achou que 1x0 tava de bom tamanho e foi traído por isso.
Deixaram de marcar o setor esquerdo e foi lá que o Flamengo/SP fez a festa...

Enfim, o jeito agora é buscar mais uma vitória fora de casa lá em Ribeirão contra o Bafo.
Acho difícil, porém possível.

Dá-lhe Francana!!!

Bruno disse...

É pessoal... não adiantou avisar!!! Falávamos quanto a manutenção da equipe e a instabilidade criada pelas pressões da imprensa e ai está o resultado. A intrevista do Dida no final do jogo, mostra bem a irritação de quem está dentro do grupo com relação a alguns fatos!
Apesar de estar ficando repetitivo, é uma questão de matemática! O lado direito do time vem se comportando bem, e com Lico, Paulinho e Joel, a grande maioria das jogadas de ataque eram pela esquerda, sem contar que o time só havia levado um gol em jogadas do adversário por este lado, em um pênalti duvidoso contra o SEV. Depois de tanta pressão e motivado por "fatalidades" (como o terceiro cartão de Paulinho) Wantuil mexeu no time e o lado esquerdo, não atacou nada contra a Portuguesa, e ainda virou um buraco contra o Flamengo!
Agora o time da Francana torce para o lado direito dar conta de atacar e para o esquerdo não entregar. Tomara que as coisas mudem contra o Comercial, porque senão a Veterana pode fazer menos do que levar!!

Quanto a imprensa, so me resta implorar um pouco mais de imparcialidade!

Tito Flávio - editor do Blog disse...

concordo com você, Bruno. Revi até algumas opiniões minhas, também depois de conversar com o Fernando, da Francana.
Quem foi no jogo viu que foi realmente pelo lado esquerdo do time que as oportunidades do Flamengo foram criadas, principalmente no segudo tempo. O Edvânio é um excelente jogador, prata da casa, mas queimar o Joel desse jeito é ruim. As referências dele no espirito santo sao ótima. O problema é que ele não apoiava no ataque, como o Edvânio está fazendo. mas é bom não esquecermos que o 2° gol do Flamengo ocorreu após falha individual do Edvanio. Esse mexe-mexe nas duas equipes provocou queda de rendimento em ambas. Acho que a volta do Joel na esquerda poderá reforçar a marcação, o forte do time até agora. O problema é que o Edvanio, apesar da falha individual, é muito bom jogador, principalmente no apoio ao ataque. a questão é: talvez, taticamente, seja melhor colocar os 2. O joel na Lateral e talvez o Edvânio no meio-campo.
vamos ver o próximo jogo.

Bruno disse...

Tito, eu penso da seguinte forma:

O Edivânio recém saiu das categorias de base, entrou de forma "estranha" no time além de receber uma propaganda que o pressiona diariamente! Não é nestas circunstâncias que se lança um bom jogador! Desta forma vão "queimá-lo" de vez!
A Francana joga em um esquema 3-6-1, onde os alas não podem se lançar ao ataque sem a certeza de uma cobertura, muito menos brincar na defesa! A experiência do Joel, além do fato dele ter o melhor preparo físico do elenco são fundamentais na manutenção do sistema defensivo do time!
Quanto a ambos jogarem, já havia me feito esta indagação, que é completamente viável, porém penso que a habilidade do Paulinho é superior a dos dois, o que torna injusto retirá-lo da condição de apoiador! Concordo absolutamente que o Edivânio é muito mais meia que lateral ou ala!!!
A antiga formação me mostrava que, quando o lado direito atacava, o lado esquerdo fechava bem e vice-versa. Acho que o Geovane tem as mesmas características do Joel o que dá um equilíbrio ataque-defesa excelente as laterais do time! Basta analisar os dois gols dos três primeiros jogos, um pênalti duvidoso após um escanteio, e uma falta em um contra-ataque criada numa jogada em que o Deivid perdeu a bola no meio campo!
Uma característica deste time é a defesa sólida, que faz com que mesmo sem um ataque eficiente, o time consiga vencer, já que não toma gol!
Com esse elenco, sinceramente eu primaria pela postura tática do jogo contra a Inter, que de longe, foi a mais equilibrada, eficiente e que mais agradou!